Cabe um discador preditivo na minha operação de call center?

Cabe o uso de um discador preditivo dentro da sua empresa de call center? Esta é uma resposta que depende da análise de uma série de fatores. Para começar, esta ferramenta pode ser útil para empresas de todos os tamanhos, mas sua real utilidade depende de elementos como o número de telefonemas que devem ser feitos diariamente, tempo disponível para fazer estas ligações e o tipo de produto trabalhado. Saiba mais sobre o assunto neste post!

Quando utilizar o discador preditivo 

Uma das principais funções deste modelo de discador é contatar um grande número de clientes em pouco tempo. Ele economiza o tempo dos atendentes de call center porque faz ligações automaticamente e só transfere as chamadas já atendidas. É uma ferramenta que pode ser utilizada por empresas que trabalham com televendas ou com cobranças, como recurso para aumentar a produtividade na empresa. Mas para saber se vale a pena investir em um discador preditivo é necessário analisar alguns pontos:

Qual é a sua quantidade de mailing?

Este é um dos principais pontos a considerar. Se você dispõe de uma boa quantidade de nomes e telefones para discar, um discador preditivo vai lhe ajudar muito. Para otimizar a produtividade no call center esta ferramenta usa um cálculo que considera o hit rate (as chamadas atendidas pelas tentativas de chamadas), o TMO – tempo que o operador fica falando com o cliente, a AWT – o tempo de espera do operador entre uma ligação e outra, entre outros itens. Para isso, considera-se dados como tentativas de discagem e ligações atendidas. Ou seja, aqui, o tamanho e a qualidade do mailing tem influência direta sobre esse resultado.

Tamanho da equipe e tempo disponível para contatar todo o mailing

Quando a equipe apresenta dificuldade em fazer todas as ligações necessárias durante a semana, um discador preditivo pode resolver o problema. Esta ferramenta aumenta em mais de 50% o rendimento de uma call center. Para ter uma ideia do que o recurso pode significar para o dia a dia da sua empresa, faça uma avaliação do tempo que seus colaboradores perdem esperando uma ligação ser atendida. Se for um número significativo, um discador automático, que elimine esse tempo perdido, pode ser a solução.

Tipo de operação realizada

O discador preditivo é uma ferramenta destinada para call centers que trabalham com operações ativas, ou seja, que entram em contato com muitos clientes diariamente. Se sua empresa atua mais com a parte receptiva, recebendo ligações de clientes, um discador automático trará menos resultado que uma operação de ativo. Um bom exemplo são as empresas de cobrança e televendas outbound. As empresas de vendas e cobrança têm muito a ganhar quando seus colaboradores conseguem entrar em contato com mais clientes em potencial.

Orçamento disponível

Outro ponto relevante é em relação ao orçamento disponível para fazer a mudança de discador na empresa. É essencial avaliar todos os outros pontos e verificar se o retorno vale o investimento. Depois de definir se esta é uma solução interessante para a empresa, é hora de trabalhar com o setor financeiro para saber se é uma boa hora para arcar com o investimento necessário.

Entre em contato com o nosso comercial para tirar todas as suas dúvidas sobre o discador preditivo!