Gerenciamento de pessoas: entenda porque ele vai muito além de um ponto eletrônico

Assumir uma posição de gerente em uma empresa demanda diversos desafios e habilidades. Saiba como lidar de forma estratégica diante de suas novas funções.

Depois de tanto esforço você finalmente conseguiu a promoção que sempre desejou e se tornou gerente da empresa. Mas e agora?

Suas funções vão muito além de controlar um ponto eletrônico. Liderar uma equipe, cumprir novas metas, apresentar resultados. Gerenciar exige uma série de habilidades e competências bem diferentes daquelas demandadas no seu cargo anterior. Por essas razões, muitos profissionais se sentem inseguros para enfrentar os desafios do novo cargo. Se essa é a situação em que você se encontra, separamos algumas dicas que podem ajudar na transição de um novo cargo e facilitar seu dia a dia.

  1.        Identifique quais mudanças serão necessárias

Uma das principais mudanças na vida profissional de um novo gerente é a responsabilidade pelo trabalho de uma equipe. O gerente deixa de agir como um colaborador individual da empresa e passa a se tornar responsável pelo trabalho dos outros. Seu sucesso depende da forma como sua equipe responde as demandas de trabalho. Por isso é fundamental ser um agente motivacional, sem descuidar da qualidade técnica de tudo aquilo que é produzido. Em regra, um gerente torna-se responsável por uma quantidade de trabalho que jamais conseguiria produzir sozinho, por isso, não cometa o erro de corrigir cada problema. Esse não é o seu trabalho. Pelo contrário, um gerente deve dedicar esforços para criar métodos de produção mais eficazes, voltados ao incentivo dos colaboradores da empresa. 

  1.        Encontre um mentor

Poucos gerentes procuram compartilhar suas dúvidas e desafios com outros profissionais. No entanto, essa troca de experiências pode ser uma grande escolha, em especial, para quem esta começando. Procurar um mentor, isto é alguém com expertise na área pode ser uma ótima estratégia para quem esta começando. Um mentor não deve ser seu superior, mas sim, alguém que já atuou ou atua com o gerenciamento de pessoas e possui know how na área. Contar com a experiência alheia é um sinal de maturidade e certamente lhe trará reconhecimento de seus superiores.

  1.        Faça parte de uma rede de networking

Networking é fundamental não apenas para prospectar clientes. Quem atua com o gerenciamento de pessoas precisa focar suas estratégias de equipe baseado nas demandas do mercado. Por isso, é fundamental desenvolver uma rede de contatos que possibilite te alinhar sua atividade a melhor estratégia de mercado. O gerente deve estar ligado não apenas aos problemas e demandas do back office, mas também ao direcionamento da empresa dentro do setor de atividade.

  1.        Conte com o auxílio do RH 

Busque se aproximar da área de Recursos Humanos, certamente eles possuem boas dicas que podem te auxiliar na hora de gerenciar uma equipe. Busque livros e treinamentos que possam te ajudar. Leia sobre “como se tornar um gerente”, em especial, livros considerados mais populares como “Os sete hábitos das pessoas altamente eficazes” , de Stephen R. Covey.

O setor de Recursos Humanos deve ser um grande aliado para que você possa desenvolver suas atividades como gerente.

  1.        Ajude seus colegas a lidarem com seu novo cargo 

Muitas vezes um gerente assume uma posição de maior hierarquia perante os antigos colegas, o que pode gerar muito atrito interpessoal e alguns conflitos. É necessário ter uma postura firme e deixar o canal de comunicação aberto e sempre disponível para que não haja problemas. Não deixe que seus colegas tirem proveito da boa relação que possuíam antes de você se tornar um gerente. Não é necessário ser arrogante, no entanto, é preciso ser estratégico e demonstrar com firmeza que você é responsável por novas metas e resultados dentro da empresa e que suas ações podem refletir em benefício de todos os colaboradores.

Gostou do texto? Compartilhe sua opinião com a gente!